Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2009

Quando um blog acaba

 

Apesar de não ter o blog há muito tempo... ainda não fez um aninho há algo que sempre me intrigou e que penso que a maioria das pessoas tem dificuldades em lidar e em compreender O fim de um blog.

 

Pelo que me apercebo e pelo que sinto e entendo da vida, tudo tem um tempo e um lugar. Tudo existe na nossa vida para cumprir uma missão, para dar um sentido e para nos abrir portas que precisamos que sejam abertas.

Aqui neste mundo da blogosfera fazem-se "amizades" ( já explico o porquê das " " ) e partilha-se muito do que vai dentro de nós. E depois quando achamos que o blog já cumpriu a sua função? Quando achamos que devemos partir e procurar outras coisas? Quando olhamos para ele e achamos que não temos mais nada a dizer, ou que já não necessitamos dele para o dizer?

 

Esta é uma altura complicada, e tenho a certeza que todos os que já tiveram blogs e o terminaram compreendem bem o que quero dizer. Eu acho que a parte mais dificil é o que fazer com os "amigos" que deixamos, de outros blogs?

Eu sempre achei que o mundo dos blogs pode-nos dar dois ou tres tipos de amigos. Aquelas pessoas que temos grande empatia, de quem gostamos de ler, mas que nunca passam do espaço do blog. Algumas pessoas que passam do mundo dos blogs para o mundo do msn e dos mails, que eu acho que torna essa "amizade" mais proxima. E algumas, poucas, que temos o privilégio de conhecer e que passam do mundo virtual para o mundo fisico.

 

Eu acho que não é por se conhecer a pessoa fisicamente que se é mais amigo. Há muitas pessoas que conheço do mundo fisico e não as considero amigas. E algumas que enquanto só as conheci virtualmente as sentia muito amigas. Porque a amizade é um sentimento, e os sentimentos resistem bem á distãncia.

 

Mas a questão é que não é facil desperdir-mo-nos de alguns amigos virtuais. Talvez porque sentimos essa amizade, ainda que seja por alguem que não conhecemos.

 

Mas para que fica e vê partir acho que é necessário acima de tudo respeitar a decisão dos que vão. E desejar toda a felicidade do mundo. Porque apesar de ficar um sentimento de perca o importante mesmo é desejarmos ás pessoas de quem gostamos toda a felicidade do mundo.

 

Uma boa semana para todos os amigos virtuais e para os outros também

 

 PS: o vicissitudes não vai acabar.... este post foi só para tocar no tema

 

sinto-me: Bem
música: Music for chakras
tags: , ,

publicado por FilipeP às 21:40
link do post | comentar | favorito
20 comentários:
De Caminhando... a 21 de Dezembro de 2009 às 22:24
Amigo Filipe!
Ao ver o perfil, vi este teu post, li-o e vou-te ser honesta, deixaste-me com a lagrima no olho.

Compreendo o que dizes quando doi "perder" estes amigos virtuais pois, no fundo há uma partilha grande com uns mais, do que outros.
Criei este meu blog, muito renitente relativamente a relacionamentos que não envolvessem um contacto visual. Digo isto pois, gosto muito de olhar nos olhos. É para mim essencial. Mas com este blog fui encontrando e falando com o mais diverso tipo de pessoas e, este mundo é tão igual ao dito real.
Há pessoas com as quais nos identificamos e outras que não trasmitem grande confiança.

Por ti senti deste que nos cruzamos neste mundo uma grande empatia.
Fiquei com a ideia de que sentes que é altura de mudar e, se assim for, não quero deixar de dizer que gostei imenso de conversar e partilhar ideias contigo. Sinto que tens muito bom coração e, és um amigo em que se pode confiar.

Um beijinho de afecto querido amigo Filipe!


De FilipeP a 21 de Dezembro de 2009 às 22:42
Boa noite amiga.

Quando acabei o post percebi que talvez fosse mal entendido. Talvez como o entendeste. De facto o vicissitudes não vai terminar. Acho que ele ainda me tem muito para dar, apesar de não ter tanto tempo como antigamente. ( já coloquei uma nota no fim para não haver mais duvidas ) :)

Essa empatia que falas é muito especial e torna algumas das pessoas deste mundo especiais. O que eu queria dizer é exactamente isso. E que quando os blogs terminam essas pessoas especiais ficam para tras. De facto acho que é como se perdece-mos um amigo "verdadeiro". Eu digo verdadeiro porque de facto existe alguma diferença entre um amigo virtual e um fisico. É como dizes, os olhos também falam muito.

Eu também te sinto assim. Como uma pessoa especial. Alguem que tem grandes valores e um grande coração. E que vê a vida de um modo muito parecido com o meu. E a amizade apesar de virtual sente-se, tale qual como qualquer outro sentimento.

Beijinho amiga e tem um bom inicio de semana


De Caminhando... a 22 de Dezembro de 2009 às 11:35
Olá!
Obrigada e, deixaste-me assim por saber que continuas por cá!!

Um beijo e uma boa semana ;)


De emma_leiria a 21 de Dezembro de 2009 às 22:34
Só temos que aceitar e compreender..afinal é o teu blog .... que me deu leituras muito agradáveis...uma empatia enorme que nem sei explicar porqué ..mas acho que isso não se explica...uma certa tristeza me invade mas essa decisão só a ti te pertence....
Migo please só não queria perder o contacto contigo... se quiseres adiciona-me no msn
emma_leiria@hotmail.com
Ai que saudadessssssssssssssssssss.....


De FilipeP a 21 de Dezembro de 2009 às 22:47
Olá Emma



Parece que o post está a ser mal entendido. Eu só queria tocar neste assunto porque vejo alguns blogs a aparecer e a desaparecer e as pessoas com eles. E algumas delas sentimos alguma afinidade, não é? E ficamos sempre sem entender bem como agir nessas alturas.

O vicissitudes vai continuar e de de boa saude . Ainda não chegou o momento dele e quando chegar vou querer levar todas as pessoas especiais que vou aqui conhecendo comigo

Beijinho grande


De emma_leiria a 21 de Dezembro de 2009 às 22:49
Ufaaaaaaaaaaaaaaaaaa...
Que grande susto....lolololol


De FilipeP a 21 de Dezembro de 2009 às 22:55
Já fiz algumas alterações para ele ficar mais explicito.

Tem uma boa noite e em paz.


De emma_leiria a 22 de Dezembro de 2009 às 20:42
E agora recomposta do susto...lol.... não deixo de pensar em como o tema do post também se aplicou a mim, por uns segundos quando pensei que ias terminar o blog.... e agora? pensei eu...como vai ser.... sabes nunca tinha pensado bem nisso, nas pessoas que nos dizem muito mesmo sem as conhecermos pessoalmente...como será quando elas decidirem mudar de rumo.... até eu que farei se um dia decidir termina-lo... como será.... não me imagino a cortar laços com pessoas que de uma certa maneira estão no meu coração... uma coisa é certa, haja o que houver e quando é reciproco penso que as pessoas nunca se separam, seja á distancia ou perto...
Beijokas amigo...muito feliz por te ter conhecido


De FilipeP a 22 de Dezembro de 2009 às 23:30
Olá amiga.

Realmente este é um tema que nos leva a pensar um bocadinho. Por isso o achei interessante.
Tens alguma razão quando dizes que quando as pessoas sentem algo pelas outras que não se separam, mas isso é pensando que o blog acaba com uma despedida. Se pensarmos que por algum motivo a pessoa deixa de aparecer no blog acaba por não haver outro meio de contacto. Acho que de algum modo é isso que diferencia as amizades fisicas e virtuais.

Tu és uma boa pessoa e é um prazer poder trocar estas ideias contigo :)

Beijinho e tem uma boa noite


De Selene a 21 de Dezembro de 2009 às 23:10
Antes de mais quero dizer-te que é um excelente tema.
Deixaste-me a pensar, compreendi o que queres dizer e acho que tens razão.
Tudo na vida tem um princípio, meio e fim, o blog surge por um motivo e quando esse motivo deixa de ser válido e conjuntamente com o curso da vida somos direccionados para outro lado.
O mesmo se passa com os amigos, há pessoas que conhecemos em determinada altura que nos foi muito importante mas a vida acaba por nos separar devido aos diferentes rumos.
Para já sinto que os meus blogs me dão muito e estou bem, tenho algum tempo ainda disponível para lhes dedicar mas nunca se sabe, um dia poderei eventualmente despedir-me.
Tu és um daqueles "amigos" com quem tenho grande empatia, tenho pena de não te conhecer pessoalmente ou falar mais contigo pois acho que nos íamos dar bem e ter interessantes conversas.
Não vou negar que sinto um friozinho na barriga de pensar que um dia poderei me despedir destes "amigos" que conheci aqui pois acompanharam-me durante muito tempo partilhando muita coisa. É estranho pensar nisso.
Quanto a mim posso dizer-te que gostava de manter contacto contigo por muitos anos nem que seja para saber o que tens feito, se estás feliz, se já casaste, se já tiveste filhos...enfim, saber que estás bem.
Um beijinho muito grande, boa noite.


De FilipeP a 21 de Dezembro de 2009 às 23:40
Antes de mais tenho de agradecer pelas tuas palavras carinhosas. Como eu sempre te disse tu és uma pessoa especial.
Acho que apesar da distancia cria-se uma ligação entre as pessoas, que transcende este espaço e que não é facilmente explicavel.

É curioso ver que tens a mesma perspectiva que eu no que respeita ás pessoas que passam pela nossa vida e á importancia que elas têm. Numa perspectiva ampla tudo tem o seu tempo e significado.

Como com todos os outros amigos, não é facil nos separarmos destes aqui. Mas aqui eu coloco uma questão.. será que as pessoas se tÊm de separar? Será que a amizade não se pode manter? Eu realmente acho que sim e não vejo razão para o contrário. Porque eu costumo dizer "virtualmente ou não, bons amigos não são fácies de encontrar.

Sabes... acho que um dia ainda nos vamos conhecer pessoalmente. É só um feeling

Tem uma noite bem serena


De Selene a 22 de Dezembro de 2009 às 13:28
Claro que se pode manter, eu sou um exemplo disso, nunca me esqueço dos meus amigos do passado, às vezes acho até que sou a única a lembrar-me pois eles nem dão sinal.
Eu sou daquele tipo de pessoas que pode passar anos e não ver as pessoas mas se elas precisarem, derem sinal, sou a primeira a ir ter com elas.
Sou muito apegada aos meus amigos...
Um feeling? Que bom.
Mts beijinhos.


De FilipeP a 22 de Dezembro de 2009 às 19:14
Sim , eu lembro-me do que já escreveste sobre os teus amigos da escola. Isso é muito bem, esse feeling que tens com os amigos. Mesmo que existam alguns que naõ valorizem outros haverão que ficam muito felizes com isso.

E os meus feelings naõ costumam falhar

Beijinho


De Selene a 22 de Dezembro de 2009 às 21:57

Beijinhos!


De Nina (c/ mt alegria) a 22 de Dezembro de 2009 às 10:27
MAU.....
Então ?????
chiça...

Pensei...

Quando começei a ler o titulo fiquei feita parva topas.?
Mas depois de ler o teu ....

Tou cansada

...
"Destamento", fiquei mais esclarecida.
Princepalmente aquele frasezinha do PS.
Fiquei assim...

5,4,3....

O resto é amanhã.



De FilipeP a 22 de Dezembro de 2009 às 19:05
Olá Nina

Não há razoes para preocupaçoes... Para já não está prevista nenhuma viagem para fora da blogosfera. Ainda que visitando menos vezes por semana estou cá sempre.

Beijinho e um


De azuldoceu a 23 de Dezembro de 2009 às 09:19
Hum.... parece-me que temos tema para uma próxima conversa... mas depois explico melhor o porquê.... ou se calhar até já sabes...
Beijocas e um doce Natal!


De FilipeP a 23 de Dezembro de 2009 às 14:17
Olá amiguita

Acho que consigo imaginar o teor dessa conversa sim

Beijinho e um Natal com muita alegria e paz para ti


De Marta a 23 de Dezembro de 2009 às 11:05
O Filipe por amor de deus,
Eu tenho 40 anos queres-me dar cabo do coração. Rapaz que susto :-)
Um santo e feliz natal cheio de boas energias e sobretudo paz , muita paz

Brijinhos


De FilipeP a 23 de Dezembro de 2009 às 14:21
Olá Marta

Não era minha intenção sugerir que me ia despedir de voçes, mas parece que muita gente pensou isso. Talvez pelo tema ser tão complexo.

Que o teu Natal seja abençoado pelos ventos da Paz e da felicidade
Beijinho


Comentar post

.mais sobre mim

.Mirones

Free Counters

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. E mais um sonho :)

. Mais um dia

. Conto 1

. Onze minutos

. A ilusão das lâmpadas eco...

. O que comemos é o que pen...

. Nem tudo é o que parece.....

. A ignorancia é felicidade

. Questão

. Horta de varanda

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Apoio

Partido pelos Animais e pela Natureza
blogs SAPO

.subscrever feeds