Terça-feira, 23 de Novembro de 2010

Um certo caminho

Mestre, como faço para me tornar um sábio?

Boas escolhas.

 

Mas como fazer boas escolhas?

Experiência - diz o mestre.

 

E como adquirir experiência, mestre?

Más escolhas.

 

 

O processo de evolução parece estranho á mente mais desatenta. É preciso relativizar tudo o que nos acontece.... O bom será mesmo bom? Ou será o mau melhor que o bom, uma vez que nos faz aprender mais?

sinto-me: No estudo
música: Lama Gyurme & Jean Philippe Rykiel - Souhaits Pour l'Eveil

publicado por FilipeP às 21:53
link do post | comentar | favorito
15 comentários:
De green.eyes a 24 de Novembro de 2010 às 10:33
... de uma forma ou de outra acabamos sempre por crescer um pouco mais ... não achas ??

Beijinho


De FilipeP a 25 de Novembro de 2010 às 00:18
Olá :)

Sem dúvida que assim é. A capacidade de crescimento depende somente da nossa capacidade de os conseguir encontrar nas coisas ( boas e más )  que nós acontecem. Ele está sempre presente e disponivel para a nossa evolução como pessoas.

Beijinho


De verdesperanca a 24 de Novembro de 2010 às 13:15
Bem visto...
Somos sábio se soubermos fazer boas escolhas, estas aprendem-se com a vivência e normalmente aprendemos sempre mais com as escolhas erradas...
Concordo, temos de relativizar as coisas. Nem tudo é sempre tão mau nem sempre tão bom.
Bjs doces


De FilipeP a 25 de Novembro de 2010 às 00:21
Olá amiguita :)
É mesmo assim. Quantos de nós não passaram já por situações que se mostravam muito más e que dai até surgiram coisas positivas e outras situações boas. Dai a necessidade de ponderarmos bem as coisas más e boas que nos acontecem... nem tudo é o que parece á primeira vista.

Beijinho bons


De emma_leiria a 24 de Novembro de 2010 às 21:06
Tudo será bom....pois tudo é caminho.....


De FilipeP a 25 de Novembro de 2010 às 00:24
No fim tudo servirá somente para uma coisa... para a nossa evolução enquanto seres. Acreditando nisto tudo se torna como dizes: algo que teria que acontecer para nós evoluirmos. Logo algo necessário. Podemos ter a sensação que algo é mau, mas só teremos a plena certeza quando deixamos passar algum tempo e verificarmos onde esse "mau" nos leva.

Beijocas miguita e boas energias para ti


De geriatriaaminhavida a 29 de Novembro de 2010 às 16:06

Por isso dizemos que aprendemos com os erros, não é?
Beijinhos e uma optima semana


De FilipeP a 29 de Novembro de 2010 às 19:03
Olá :)

Acho que é isso mesmo.
Na minha perspectiva se olharmos para vida como um local de evolução  do nosso ser, que transcende o ser fisico, compreendemos que o mau por vezes é melhor que o bom. Na minha vida as melhores coisas sempre tiveram origem eu outras muito más. Dai esta minha reflexão.

Beijinho e uma boa semana também para ti.


De Existe um Olhar a 29 de Novembro de 2010 às 21:12

Por mais que nos custe a aceitar é sempre com o mau que aprendemos e crescemos, embora o bom seja uma consequência da forma como aceitámos o mau, este é o meu ponto de vista , claro, posso estar errada.

Beijos
Manu


De FilipeP a 29 de Novembro de 2010 às 21:43
Sem dúvida que conforme crescemos nos fazem olhar o mau sem o questionar. Se nos ensinassem a olhar para o mau como um prenuncio do bom, talvez esse mau não fosse assim tão sentido. No fundo tudo é um reflexo de como olhamos para as coisas e para o mundo. Por isso se diz que o que é mau ou bom para mim não o é necessáriamente para o outro.

Beijinho e uma boa semana


De espaço da raquel a 3 de Dezembro de 2010 às 22:24
a pouco e pouco tenho vindo a conseguir "esse tal crescimento interior", claro está com a ajuda de uma pessoa muito importante e que tantas vezes me deixou palavras sábias.


esse alguém, foste TU


De FilipeP a 4 de Dezembro de 2010 às 12:12


É uma alegria ouvir essas palavras. É bom saber que contribuo de forma positiva para a tua vida e para te sentires melhor. Costuma-se dizer que a amizade e o amor são das poucas coisas que quanto mais se dá , mais se tem.
Que possamos partilhar essa amizade durante muito tempo. Porque eu também vou aprendendo umas coizitas contigo.



De espaço da raquel a 6 de Dezembro de 2010 às 10:44

sou uma mulher de amores, logo, por mim, podemos ser velhinhos, que eu vou sempre me lembar de ti, ahh e quem sabe, um dia não te ofereço um chá e uns scones, é que é o tipico lanche que não dispoenso e se for com amigos, melhor é e sabe.
que tal?


De FilipeP a 6 de Dezembro de 2010 às 22:04
Ora isso é que é falar. Fico á espera então desse convite para os scones e chá, teria muito gosto na companhia. Isso bem combinadinho ainda se consegue.


De espaço da raquel a 7 de Dezembro de 2010 às 10:46

claro que sim, é somente preciso QUERER
entretanto e enquanto isso n acontece, aqui deixo um  bem quente para ti.
kiss, kiss


Comentar post

.mais sobre mim

.Mirones

Free Counters

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. E mais um sonho :)

. Mais um dia

. Conto 1

. Onze minutos

. A ilusão das lâmpadas eco...

. O que comemos é o que pen...

. Nem tudo é o que parece.....

. A ignorancia é felicidade

. Questão

. Horta de varanda

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Apoio

Partido pelos Animais e pela Natureza
blogs SAPO

.subscrever feeds