Domingo, 25 de Setembro de 2011

Egoísmo altruísta

Já algum de vós verificou a felicidade que temos ao fazer as outras pessoas felizes. Mesmo pessoas que não conhecemos muito bem. O facto de fazermos os outros felizes tem grandes benificios para nós. Cria dentro de nós uma grande energia positiva e uma alegria profunda.

Fazer os outros felizes é bom para nós, então , ainda que não seja de um modo totalmente altruista deveriamos fazê-lo. 

Como disse o Dailai Lama " ... o verdadeiro egoista é altruista, pois compreende os benificios que os seus actos de bondade para com os outros , trazem para si". 

 

E ás vezes para trazermos a felicidade para o outro basta tão pouco como um sorriso e um palavra amiga. Nesta sociedade em que vivemos, e em que as pessoas se distanciam cada vez mais e vivem mais isoladas, é necessário invertermos essa situação e ligarmo-nos mais aos outros.

 


publicado por FilipeP às 13:53
link do post | comentar | favorito
7 comentários:
De geriatriaaminhavida a 25 de Setembro de 2011 às 14:26

Ainda ontem estava a ver as noticias e  derama conhecer um homem de Caldas da rainha(creio) que todos os dias ia levar comida aos sem abrigo e a quem precisa. Depois mostrou um americano a residir em Lisboa e que precorria os restaurantes para arranjar comida para as pessoas necessitadas. Fiquei a pensar "O que faço eu pelos outros?" Infelizmente acho que não faço nada a não ser tratar dos idosos com respeito e o melhor que psso mas isso faz parte do meu trabalho, portanto não conta.
Gostaria de fazer algo pelos outros, mas não sei oque posso fazer.
Bom fim de semana


De FilipeP a 25 de Setembro de 2011 às 14:43
Olá Maria


Acho que já fazes mesmo muito. O facto de te empenhares no teu trabalho para proporcionares um maior conforto aos idosos é muito bom. Claro que podemos fazer sempre mais, mas se todos fizéssemos como tu viveríamos num pais muito melhor. Esperemos que um dia possa haver em portugal uma consciência social muito maior em que as pessoas vejam os outros não como competidores, mas sim como companheiros de caminhada :)

Bom domingo para ti :)


De So a 25 de Setembro de 2011 às 17:08
Admiro muito as pessoas que dedicam parte do seu tempo aos outros, sem ter como objectivo, de alguma maneira tirar algum beneficio... mas hoje em dias são tão poucos...
Para mim, não consigo ver a vida de outra maneira, a vida não faz sentido, se não espalhamos o nosso sorriso, a nossa felicidade, os nossos afectos...
Mas sabes uma coisa, ser assim já me trouxe muitos dissabores... As pessoas gostam mesmo de mentira, falsidade, hipocrisia...
Mas claro como tudo, felizmente há excepções... Desculpa é a minha opinião...


De FilipeP a 28 de Setembro de 2011 às 18:38
Olá So .
Também acho admiráveis essas pessoas, que ajudam outros seres, humanos e não humanos. Uma coisa que disseste e é muito verdade. Ás vezes só é preciso um sorriso para ajudar alguém. As pessoas andam tão angustiadas e tristes com a vida que um sorriso é uma grande ajuda para muitas. Acho que as pessoas precisam de sentir que ainda existem pessoas na sociedade que têm bom coração.


Claro que, como tu dizes, depois existem os outros. Aqueles que só vêm poder, lucro, controlo e satisfação propria á frente. Existirão sempre este tipo de pessoas... mas estas não interessam muito.


Obrigado pela tua visita e pelo teu comentário 


De verdesperanca a 3 de Outubro de 2011 às 23:20
Partilho deste teu texto.
É uma sensação maravilhosa, incrivelmente gratificante quando ajudamos o próximo, pelo menos para mim. O mim instinto básico é logo ajudar, não penso, faço.
Se nos ligassemos mais uns aos outros veríamos que seríamos mais fortes juntos, perceberíamos como somos iguais e as nossas falhas mais bem aproveitadas, de qualquer das formas eu tenho um pouco de receio de deixar as pessoas se aproximarem, de me envolver. Não por egoísmo e não querer saber dos outros mas por um medo interior.
Boa noite, beijinhos doces.


De FilipeP a 5 de Outubro de 2011 às 09:14
Compreendo esse teu medo interior de deixares as pessoas aproximarem-se. Muitas vezes isso acontece como um mecanismo de defesa. Mas se é certo que a proximidade nos pode trazer alguns dissabores também é só com ela que conseguimos ter grandes amigos, grandes amores e pessoas fantásticas na nossa vida. Eu costumo dizer que se eu tiver de conhecer 10 pessoas más na vida para conhecer um ser fantástico é um bom "negócio"  


Beijinho e um bom feriado


De verdesperanca a 7 de Outubro de 2011 às 16:09
Muito bem comentado.
A última frase diz tudo...
Concordo.
Bom fim-de-semana, beijinhos doces.


Comentar post

.mais sobre mim

.Mirones

Free Counters

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.posts recentes

. E mais um sonho :)

. Mais um dia

. Conto 1

. Onze minutos

. A ilusão das lâmpadas eco...

. O que comemos é o que pen...

. Nem tudo é o que parece.....

. A ignorancia é felicidade

. Questão

. Horta de varanda

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

.Apoio

Partido pelos Animais e pela Natureza
blogs SAPO

.subscrever feeds