Segunda-feira, 9 de Março de 2009

O Zahir

 

"... suponhamos que dois bombeiros entram numa floresta para apagar um pequeno incendio. No fim quando saem e vão para a beira de um riacho um deles tem a cara coberta de cinzas e o outro está imaculadamente limpo. Pergunto: qual dos dois vai lavar a cara?...."

 

Este é um pequeno paragrafo do livro "O Zahir" de Paulo Coelho. Tal como quase toda a gente eu pensei "o que tem a cara suja claro", o resto do paragrafo deixou-me a pensar:

 

"... - Errado, o que tem a cara suja vai olhar para o outro e pensar que está igual a ele. E vive-versa, o que tem a cara limpa vai ver a cara do seu companheiro com fuligem e vai pensar para si mesmo: " também devo estar assim, tenho que me lavar..."

 

Isto para dizer que muitas vezes procuramos nos outros aquilo que não conseguimos ou não queremos encontrar em nós, seja a beleza, o amor, a estabilidade, os sentimentos. Procuramos que o outro seja o nosso reflexo. Quando digo ou outro não me refiro só ás pessoas, refiro-me também aos bens materiais. E o pior de tudo é que assumimos que para sermos felizes temos de encontrar esses ideais, quando a verdadeira felicidade não está nos outros, nas coisas que se vêm, mas nas coisas que se sentem.

 

Nas palavras de um colega bloguista : " O importante não é andar á procura de borboletas, mas sim cuidar do jardim para que elas venham á sua procura." 

 

 

Aloha

FP

sinto-me: A reflectir
música: Master of the wind - Manowar
tags:

publicado por FilipeP às 19:56
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 36 seguidores

.Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. O Zahir

.arquivos

.tags

. todas as tags

.links

SAPO Blogs

.subscrever feeds